Presente e Futuro da Hepatite

O debate dedicado ao Dia Mundial das Hepatites, assinalado a 28 de julho, promovido pelo Expresso com o apoio da Gilead, contou com uma intervenção gravada do secretário de Estado da Saúde, António Sales, que reconhece que “as hepatites virais ainda constituem um dos maiores desafios para a saúde global”. O responsável político admite ser importante atuar “ao nível da prevenção, da testagem, da referenciação aos cuidados de saúde, do tratamento e acompanhamento destes doentes”. António Sales adiantou ainda que o Ministério da Saúde está “a trabalhar num protocolo entre o Programa Nacional para as Hepatites Virais e o Serviço de Intervenção nos Comportamentos Aditivos e nas Dependências (SICAD) com o objetivo de clarificar procedimentos e circuitos” para acelerar o combate a uma pandemia que dura há várias décadas.

A conversa, integrada no ciclo “Discutir o País”, contou com moderação do jornalista da SIC Notícias Rodrigo Pratas e com a participação de Filipe Calinas, presidente da APEF; Guilherme Duarte, médico de saúde pública; Rui Tato Marinho, presidente da Sociedade Portuguesa de Gastroenterologia (SPG); Elsa Belo, diretora da Associação Ares do Pinhal; Guilherme Macedo, diretor do Serviço de Gastrenterologia do Hospital de S. João; e José Poças, diretor do Serviço de Doenças Infecciosas do Centro Hospitalar de Setúbal.

Assista aqui ao debate.